MaisRio

Guia da Cidade do Rio de Janeiro

Buscar

RioCard: Vale Transporte

Benefício garantido por lei e de uso exclusivo no deslocamento casa-trabalho-casa, o Vale-Transporte (VT) é um direito do trabalhador e dever de todas as empresas. Para usufruir dele, o trabalhador só pode comprometer até 6% de seu salário líquido com despesas com transporte; quando os custos ultrapassam esse percentual, o complemento da passagem deve ser repassado ao empregador.

O empregador não pode substituir o Vale-Transporte por antecipação em dinheiro ou qualquer outra forma de pagamento, pois o pagamento para o transporte pago em dinheiro passa a ser complemento de remuneração, se incorporando ao salário e ficando sujeito a impostos e contribuições. Esta prática permite que o empregado pleiteie na justiça as diferenças do INSS, Fundo de Garantia e 13º salário, onerando os encargos para as empresas.

Pessoal e intransferível, o VT não pode ser utilizado para pagar passagem de outras pessoas. Entretanto, atualmente, existem alguns planos que disponibilizam algumas vantagens para os usuários, tornando possível a economia em seu deslocamento casa-trabalho-casa.

As lojas RioCard oferecem quatro tipos de cartões de Vale Transporte (VT Convencional; VT Bilhete Único; VT Bilhete Único Carioca; VT  Rápido), sendo que o crédito no cartão pode ser usado para pagar qualquer valor de tarifa cobrada pelo meio de transporte e este pode ser utilizado até 8 vezes por dia. Estas lojas se encarregam da sua troca no caso de mau funcionamento ou avaria do cartão.

O RioCard
É um sistema de bilhetagem eletrônica utilizado na maioria das cidades do Estado do Rio de Janeiro, utilizando um smartcards como porta-moedas eletrônico, permite o pagamento da tarifa independentemente do valor. É produzido, gerenciado e distribuído pela Fetranspor e seus associados, sendo distribuído através da rede de agências de determinados bancos, pela internet e postos de atendimento.

Recarga de Cartões
• Link (uma lista das lojas Riocard e dos meios de transporte público onde a recarga dos cartões pode ser efetuada)
https://www.cartaoriocard.com.br/vt/visitante/consultas/MostrarRecargasCartoes.do

Tipos de cartões RioCard
• VT Convencional
Recarregável e aceito em todos os modais (ônibus, barca, metrô e trens). Em caso de aumento de tarifa, os créditos pagos antes do aumento podem ser utilizados com o valor da tarifa anterior ao reajuste por 30 dias. Em caso de perda ou roubo, pode ser cancelado. A primeira via do cartão é distribuída de forma gratuita.

• VT Bilhete Único
Permanente e recarregável, o cartão é exclusivo para quem utiliza tarifa de Bilhete Único intermunicipal e aceito em todos os modais (ônibus, barca, metrô e trens. Em caso de aumento de tarifa, os créditos pagos antes do aumento podem ser utilizados com o valor da tarifa anterior ao reajuste por 30 dias. Em caso de perda ou roubo, pode ser cancelado. A primeira via do cartão é distribuída de forma gratuita.

A tarifa de integração em viagens intermunicipais, no valor de R$4,40 (10abr11) para ser utilizada em no máximo 2 horas e meia em até 2 transportes sendo pelo menos 1 (um) deles intermunicipal. O Bilhete Único pode ser utilizado 2 vezes por dia, com uma integração para ir e uma para voltar e com intervalo de uma hora no mínimo entre as viagens.

Como funciona a integração
Ao utilizar o 1° transporte, é descontado do cartão o valor integral do modal. Caso o usuário utilize outro meio de transporte público no período de duas horas e meia, o restante da integração é descontada.

Se o valor do 1° transporte for superior a R$ 4,40, será descontado o valor total da integração (R$ 4,40) e, na próxima utilização, ao aproximar o cartão do validador, não será descontado valor algum.

Exemplo 1: 1° modal > R$ 3,00 - 2° modal > R$ 1,40
Exemplo 2: 1° modal > R$ 4,40 - 2° modal > R$ 0,00

Cada usuário tem direito a 2 integrações por dia - uma de ida e outra de volta

• VT Bilhete Único Carioca
Permanente e recarregável, o cartão é aceito nas integrações entre ônibus dentro do município do Rio. Em caso de aumento de tarifa, os créditos pagos antes do aumento podem ser utilizados com o valor da tarifa anterior ao reajuste por 30 dias. Em caso de perda ou roubo, pode ser cancelado. A primeira via do cartão é distribuída de forma gratuita.

O Bilhete Único Carioca é o benefício tarifário da integração nas linhas de ônibus municipais da cidade do Rio de Janeiro. Utilizando o cartão eletrônico, pode-se embarcar em até dois ônibus municipais, dentro do intervalo de duas horas, pagando o valor de R$ 2,40 (10abr11). Ônibus tarifa (tipo "frescão") ou de ar-condicionado não estão incluídos no Bilhete Único Carioca.

Nas viagens que não contemplam integração, o cartão pode ser utilizado sem restrições de uso e tempo, podendo ainda pagar várias passagens no mesmo veículo e será descontada a tarifa normal modal do ônibus. Pode ser usado em todas as empresas de ônibus do Estado do Rio de Janeiro, independentemente do valor da tarifa.

VT Rápido
Cartão pré-carregado com os valores de R$ 21,00, R$ 40,00 e R$80,00, pode ser usado imediatamente em qualquer modal. Em caso de aumento de tarifa, caso a data da primeira utilização tenha sido antes do reajuste, será respeitado o valor anterior ao aumento por até 30 dias. Por segurança, o cartão deve ser registrado no site até 3 dias após a compra.
Por não ser recarregável, o cartão com saldo inferior ao valor de uma passagem ou zerado valerá uma passagem de ônibus na tarifa do município onde estiver sendo utilizado, bastando entregá-lo ao cobrador, como forma de pagamento. Por esse motivo, o cartão não permite nenhum tipo de personalização. O VTR não funciona com a tarifa Bilhete Único.
 

Fotos


LOCALIZAÇÃO


Exibir mapa ampliado
SUA PRÓXIMA VIAGEM Veja Todos

Copyright MAISRIO © 2009-2012. Todos os direitos reservados